Toxicidade “amorosa”

Toda a gente que vê series ou filmes já viu uma “relação” muito tóxica ou complicada. Contudo estas situações não é só daquelas que acontece apenas no ecrã. Há muitas pessoas que infelizmente tem amigos ou estão nestas “relações”.

Será que as aspas foram um erro ortográfico ou foi propositado? ….é verdade que cometo erros ortográficos (sou um escritor da aldeia), mas neste caso foi propositado. Eu coloquei as aspas porque qualquer situação em que uma relação seja toxica/perigosa já não é uma relação é um erro.

Tanto o Homem como os animais se relacionam, mas enquanto os animais relacionam-se para procriar, os Homens relacionam-se porque sentem a necessidade de ter alguém. Quer seja amizade ou algo mais. Nem todos se conseguem relacionar com todos, mas isso não é mau, pelo contrário, é uma coisa boa, só nos relacionamos com quem conseguimos ter uma certa conexão e ligação.

Numa relação amorosa não pode haver toxicidade, não pode haver venenos que a vão matando lentamente até a sua última gota ter efeito nos sentimentos e matar a conexão que antes existia. Quando duas pessoas estão juntos tem que ser “ fácil”. Se for a pessoa certa não pode haver venenos, não poder haver problemas constantemente, algo que sempre que aparece divida duas pessoas e que estas discutam por causa disso.
Uma relação saudável pode e deve ter problemas, é sinal que não é perfeita e há espaço para melhor. Contudo, tem que ser fácil, tem que ser natural as pessoas procurarem a outra pessoa quando há um problema. Pararem e escutarem a opinião do outro e não chegar logo com ataques ferozes como um leão a atacar a sua presa. Numa relação saudável tem que haver esforço mútuo sem haver muito esforço, é como se acontecesse naturalmente, algo que já está no sangue. Se for a pessoa certa não há “se”, não há um levantar de voz, não há segredos que possam que acabar com a relação.
Numa relação saudável ambos estão presos um ao outro mas ambos são livre e pertencem ao mundo!

Já vi muitas “relações” toxicas, discutiam por tudo e por nada. Prendiam um ao outro, viviam um para o outro e não deixavam a sociedade se aproximar deles. Quando isto acontece a melhor forma de sair é acabar. Não vale a pena investir em algo que prejudica ambas as pessoas embora seja difícil ao início.

Quando duas pessoas estão numa “relação” toxica não se amam, apenas gostam da ideia de namorar e de não estar sozinhos.

PS: Por último repararam que eu só utilizei 1 vez a palavra “ amar “? …Foi propositado porque a palavra amar está banalizada, mas isso fica para outra história 🙂

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s